Sozzeal

Rankeamento SEO: 20 Dicas de Como Ranquear Site Google

Rankeamento como ranquear site

Se você possui uma empresa e utiliza estratégias de marketing digital, certamente deseja que seu site obtenha um ótimo rankeamento. Pois, conquistar as primeiras posições do Google mostra a relevância que sua marca tem para os potenciais clientes e, também, alcança mais tráfego para o seu website. 

Quer conhecer um pouco mais sobre rankeamento? Então, continue a leitura.

O que é Rankeamento

Pois bem, antes do processo de rankeamento ser iniciado, o Google realiza outra atividade, que é a indexação e funciona de forma bem simples. 

Quando uma página é desenvolvida ela passa por uma avaliação, caso não tenha nenhuma objeção, ela entra para o índice do Google. Desse modo, depois de realizar esse processo de indexação, o seu conteúdo entra em um cenário de ranking.

Assim, com a parte de indexação entendida, certamente, você deve estar pensando: em qual posição estou? quantas paginas tem nesse índice? 

Desse modo, para conseguir um ótimo rankeamento no Google, você precisará de vários fatores que são pontuados no momento de verificação, já que sua página estará competindo com vários outros sites com o mesmo objetivo que o seu. 

Portanto, a corrida pelo ranqueamento deve ser contínua e, também, seus conteúdos precisam ter informações corretas sobre os serviços e produtos oferecidos. 

Rankeamento e Estratégias SEO

A princípio, para você conseguir um ótimo rakeamento nos mecanismos de busca do Google, precisará utilizar estratégias de SEO. Por esse motivo, separamos alguns métodos para você utilizar em seu website. Acompanhe:

Palavras-chave

As palavras-chave possuem um peso importantíssimo quando o assunto é rankeamento. Desse modo, lembre-se que elas devem aparecer no decorrer de todo o seu conteúdo, principalmente no título. 

Hierarquia de subtítulos

Atualmente, as pessoas tendem a ler somente o que interessa na internet. Com isso, para economizar tempo, leem somente o título e os primeiros parágrafos. Por isso, coloque as palavras-chave nos subtítulos para conseguir melhorar o rankeamento e resolver com mais rapidez o problema do seu público-alvo

Meta Description

Não se esqueça da meta description: desenvolva um ótimo conteúdo para ela. Dessa forma, a meta description é um breve resumo do que o leitor vai encontrar em seu conteúdo, por isso, ela deve ser clara e objetiva.

Coloque imagens

Colocar imagens no decorrer de seu texto deixa o seu conteúdo mais atraente para os leitores e, também, o Google entende que o seu conteúdo é cativante e o posiciona melhor. 

URL fácil

Por último, foque no desenvolvimento da URL dos seus conteúdos. Desse modo, quanto mais legível, melhor. 

Útil, não é? 

O que é PageRank e como funciona

Pagerank é uma ferramenta que auxilia a avaliar a importância do seu site comparando com outras páginas. 

Além disso, a plataforma organiza a lista de sites que aparecem no momento da pesquisa no Google a partir da sua relevância de acordo com a quantidade de cliques que a página recebe.

Dessa maneira, o Pagerank funciona de forma bem simples. A ferramenta possui um rank que vai de 0 a 10. Assim, cada site ganha uma pontuação específica que é feita pelo Google. Desse modo, essa pontuação é dada por meio de um voto. Ou seja, quando uma pessoa recomenda a sua página, por exemplo, ela ganha uma ótima reputação perante o Pagerank.

Benefícios de ter um bom Rankeamento no Google

Atualmente, existem vários benefícios quando o seu website consegue atingir um ótimo rankeamento no Google. Por esse motivo, separamos alguns deles para você conhecer:

Credibilidade da marca

Quando a sua empresa está entre as primeiras posições, isso quer dizer que ela é de confiança e possui autoridade no no nicho. Dessa forma, ao conseguir um bom rankeamento, a marca atinge mais pessoas visitando e comprando.

Mais conversões

Mais uma vantagens de um bom posicionamento é que você não precisa pagar para receber essas vantagens, pois essas ações são feitas de modo orgânico, por exemplo, o uso de palavras-chave. 

Conquistar a confiança dos clientes

É válido lembrar que o Google é um buscador que atua como um influenciador de opinião. Desse modo, quando ele posiciona bem um site, é porque confia naquele conteúdo. Consequentemente, o usuário vai se sentir mais confiante e efetuar a compra. 

Conversões de mais qualidade

Quando uma pessoa pesquisa algum produto no Google, a empresa que estiver mais posicionada terá mais chances de fazer negócio Assim, essa pessoa chegou até o site por tráfego orgânico, isto é, não foi induzida por nenhum anúncio. 

Desse modo, as conversões possuem qualidade superior, pois a empresa lida com usuários que estão a procura de seus produtos ou serviços. 

Legal, não é?

Principais Fatores de Rankeamento do Google

Agora que você conhecer bastante sobre o assunto, vamos te apresentar os principais fatores de rankeamento do Google. Acompanhe: 

Relevância dos links

Uma dica bastante bacana é que quanto mais você for linkado por outras páginas do mesmo ramo de seu negócio, mais o Google saberá que o seu conteúdo é importante e deve ser colocado nas primeiras posições. 

Conteúdo de qualidade 

Investir no Marketing de Conteúdo é importante. Então, seu conteúdo deve ser totalmente original, pois isso te auxilia a conseguir um ótimo rankeamento. Dessa forma, lembre-se que conteúdos de qualidade dão credibilidade a sua página. 

Tamanho do conteúdo

É importante saber também que seu conteúdo deve conter grande quantidade de informação, para que o usuário tire todas suas dúvidas. Por esse motivo, o Google não delimita a quantidade de palavras em cada texto. 

Palavra-chave no título (tag title)

O título de uma página é um item muito importante, pois é o que chama a atenção dos usuários. Dessa forma, coloque a palavra-chave nele, assim, o visitante saberá se o seu texto será benéfico para ele. 

Velocidade de carregamento da página

Por último, saiba que o seu site deve levar no mínimo 2 segundos para ser todo carregado. Pois, quando passa disso, ele é penalizado pelo Google, porque prejudica a experiência do usuário e, consequentemente, ele não terá um bom posicionamento na internet. 

20 Dicas de Como Ranquear seu Site no Google

Se chegou até aqui, é porque se interessou por esse assunto. Por isso, conheça, agora, 20 dicas de como ranquear seu site no Google: 

1.Crie uma estratégia de palavras-chave

Para conseguir ficar nos primeiros lugares do Google, você deverá fazer algumas estratégias com as palavras-chave. Desse modo, defina cada uma e escolha a que mais tenha afinidade com o seu negócio. Não se esqueça de usá-la em títulos e subtítulos, mas sem exageros.

2.Desenvolva um conteúdo relevante

Lembre-se que o seu conteúdo deve ser relevante para os usuários, porque se não, ele não voltará a sua página. O essencial é pensar que a sua persona possui um problema que precisa ser resolvido e seu conteúdo ou produto é a solução.

3. Tamanho ideal

Não existe tamanho ideal no Google, mas o artigo deve responder no mínimo a pergunta do usuário, assim, 500 palavras em alguns casos já oferecem muitos argumentos para os leitores. 

4. Não copie conteúdo

É válido saber que o Google não aceita plágio, então, seu conteúdo deverá ser 100% original. 

5. Aponte os conteúdos duplicados

Pode acontecer de aparecer conteúdo duplicado, porque, para o Google, sua página tem URL diferentes. Dessa forma, uma terá o conteúdo duplicado em relação à outra. 

Por esse motivo, utilize a Canonical Tag. Assim, ela serve como uma linha de código que é colocada no HTML das páginas duplicadas. 

6. Aprimore a sua escrita

Aprimore sua escrita, pois um texto com vários erros ortográficos é penalizado pelo Google e, principalmente, pelos leitores, que percebem que sua página não transmite conhecimentos corretos. 

7. Capture links externos de qualidade

Quando a sua página ganha links de outros sites, o Google compreende que seu conteúdo é relevante e, por isso, adquiriu uma citação. Dessa forma, trabalhe bastante para conseguir muitos links.

8. Ofereça links externos de qualidade

Tenha sempre em mente que, para conseguir links, você deverá oferecer links também, ou seja, um site ajuda o outro. Feito isso, os mecanismos de busca ranqueam as páginas que possuem links externos. 

9.Utilize links internos

Quando o Google analisa uma página, ele armazena todos os links que ela possui, para, posteriormente, verificar as páginas linkadas. Dessa forma, você poderá colocar links internos em seus artigos, isto é, links para outras abas do seu próprio site.

10. Use textos-âncora nos links internos

O Google leva em consideração o texto que foi utilizado como âncora para determinado link. Por exemplo, “aprenda a fazer artigos”,  indica para o Google do que se trata o artigo, então, o texto-âncora é isto. 

11. Conceda ao usuário uma experiência positiva

O Google leva em consideração diversos fatores para o rankeamento, um deles é a experiência do usuário ao selecionar um resultado de busca. Por essa razão, o algoritmo consegue favorecer as páginas que oferecem uma boa experiência. 

12. Aprimore o tempo de carregamento da sua página

Uma forma de medir a experiência do usuário na página de destino é através do tempo de carregamento. Desse modo, se sua página demora carregar, o Google compreende que ela não é boa para o usuário e, assim, diminui seu ranking. Por isso, use o PageSpeed para te auxiliar nesse processo.

13.  Use palavra-chave no início do título

Lembre-se sempre que o título é um item muito importante, já que ele é o primeiro item que os usuários observam antes de clicar. Dessa forma, a palavra-chave que você destacar durante o texto deve estar no título. 

14. Utilize a palavra-chave nos intertítulos

Pois bem, os intertítulos são títulos de cada tópico do artigo. Assim, eles servem para deixar o texto mais legível, por isso, não se esqueça de colocar a palavra-chave neles. 

15. Coloque a palavra-chave na URL

A URL também é um fator importante para o algoritmo do Google. Desse modo, coloque a palavra-chave na URL, para que consiga ganhar autoridade por meio deste termo. 

16. Crie URLs pequenas

Antigamente, os administradores das páginas colocavam várias palavras-chave nas URLs, para ranquear mais. Por isso, o Google mudou sua forma de avaliar e, agora, ranquea pequenas URLs.

17. Utilize variações da palavra-chave no artigo

Não repita as palavra-chave no decorrer do texto. Dessa forma, varie sempre que possível, para que o Google entenda que se trata do mesmo assunto. 

18. Crie uma ótima meta description

A meta description é mais um fator de rankeamento. Dessa maneira, ela fica localizada na SERP, abaixo do título e da URL. Por isso, ela deve ser bem desenvolvida, já que o leitor tem o primeiro contato com ela e, por esse motivo, deverá ser cativante. 

19. Desenvolva textos alternativos às imagens

Com os avanços da tecnologia, o Google identifica o conteúdo das imagens também. Desse modo, para otimizar a sua página, você deverá possuir um texto alternativo de cada imagem, ou seja, o texto alternativo é a palavra-chave da figura. 

20. Não altere a URL de um post

Por fim,  não altere a URL de um post, pois, ao realizar essa ação, você perde todo o histórico de tráfego que ele ganhou no decorrer dos tempos, ou seja, todo o rankeamento. 

Conclusão

Enfim, para conseguir um ótimo rankeamento no Google você deve colocar em prática estratégias de SEO, como palavras-chave corretas, imagens que chamem a atenção do leitor e uma URL amigável que consiga cativar os potenciais clientes. 

Então, para as empresas que desejam ter seu site em uma ótima posição nas páginas de busca, deverá colocar em prática todos os métodos de rankeamento aqui citados. 

Gostou do conteúdo? Compartilhe. 

Sair da versão mobile