Sozzeal

Email Marketing: O que é, Tipos e Como Fazer

Hoje em dia, o e-mail continua sendo utilizado nos principais meios de comunicação e marketing para negócios. Dessa forma, se você é um empreendedor ou trabalha com mídias sociais, poderá usar as estratégias de e-mail marketing para construir relacionamentos com os clientes e, consequentemente, realizar mais vendas.

Desse modo, construímos este artigo para você conhecer um pouco mais sobre o e-mail marketing, seu significado, importância e muito mais. Veja a seguir.

O que é Email Marketing

Pois bem, e-mail marketing é uma estratégia digital que é muito usada ultimamente. Por exemplo, para ganhar mais clientes, atrair mais pessoas para um site etc.

Dessa maneira, essa ação consiste em enviar e-mails segmentados e importantes para uma base de leads que se inscreveram para receber esses conteúdos sobre o serviço ou produto. Ou seja, deverá mandar conteúdos que sejam realmente de valor para quem tem interesse sobre eles, como no Marketing de Conteúdo.

Então, nada de spam, certo?

Além disso, se escolher uma estratégia mais avançada, poderá dividi-las de acordo com seus níveis no Inbound. Portanto, são esses aspectos que diferenciam uma boa estratégia de e-mail marketing e levam o empreendedor atingir sucesso com ela.

Email marketing: para que serve

Como vimos no tópico anterior, o e-mail marketing espalha e-mails para as pessoas que realmente tem interesse no serviço. Sendo assim, essa ação permite uma comunicação mais próxima e pessoal.

Agora, veja quais são os principais intuitos do e-mail marketing:

Manter os leads engajados

O principal objetivo do e-mail marketing é manter uma relação constante, para atrair o interesse dos leads pela empresa e seus resultados. Por isso, dedique-se bastante em sempre atualizar seus futuros clientes com informações novas.

 Promover conteúdos do blog

O blog tem sido muito útil nos últimos tempos, dessa forma, uma das maneiras mais eficientes para a divulgação de novos conteúdos é o envio de newsletters, que informam os usuários sobre o tema do post e contribuem para que seu site ganhe mais visualizações.

Nutrir e educar

A nutrição de leads refere-se ao processo de educar os usuários que aceitaram receber os e-mails de uma empresa sobre seus negócios, assim, ajudam a estreitar o relacionamento. Desse modo, se você enviar vários e-mails, é possível desenvolver várias mensagens personalizadas com os horários certos para cada um deles.

Vender mais

Todas as estratégias já citadas acima têm em comum o mesmo objetivo, que é vender. Dessa maneira, com o e-mail marketing, é possível convencer os usuários de uma forma muito mais correta, pois, com ele, você tem em mãos informações importantíssimas para identificar o momento mais conveniente para uma oferta.

Tipos de Email Marketing

A princípio, existem dois tipos de e-mail marketing mais utilizados. Veja a seguir quais são:

Newsletter

O Newsletter tem o intuito de informar os assinantes e oferecer novidades de seu negócio a eles. Desse modo, ele é importante para manter um relacionamento com futuros leads e, também, com quem já é cliente. Além disso, identifica assinantes que ainda não estão interagindo e desenvolve e-mails para engajá-los.

Convites e divulgação

Com o e-mail marketing, é possível convidar pessoas para eventos de lançamentos e campanhas de divulgação. Assim, utilize sua base de leads para mandar e-mails para uma lista de interesse. Ainda, poderá segmentar e personalizar eles.

Vantagens de usar Email Marketing

Para muitos, o e-mail marketing estava chegando ao fim devido ao crescimento acelerado das redes sociais, mas, não foi isso que sucedeu. Porque muitas pessoas têm o e-mail totalmente ligado as suas vidas.

Sabemos que as mídias sociais são, sim, um boa maneira de espalhar mensagens rápidas para seus clientes. Porém, na maioria das vezes, são consideradas menos formais, se compararmos com os e-mails.

Dessa forma, o público das redes sociais não tem curiosidade em visualizar todos os conteúdos disponibilizados por eles, pois a quantidade é muito grande e, com a vida agitada que muitos tem, não conseguem ver tudo.

Já os e-mails são visualizados com mais atenção todos os dias, já que são assuntos de real interesse do consumidor. Então, utilizá-los de forma adequada é uma ótima opção para manter um relacionamento com seu público.

Métricas do Email Marketing

O E-mail marketing disponibiliza várias métricas para seus usuários. Por isso, listamos quatro das mais utilizadas, confira a seguir:

Clickthrough Rate

O Clickthrough Rate (CTR), ou melhor dizendo, taxas de cliques, é uma das métricas mais excelentes para saber se sua estratégia de e-mail marketing está funcionando ou não. Ou seja, ela mensura a taxa de cliques em relação à quantidade de mensagens oferecidas.

Conversion Rate

O Conversion Rate (taxa de conversão) descreve a taxa de pessoas que abriram seu e-mail, clicaram no CTA, e foram levadas para uma landing page e, por fim, terminaram a ação pretendida com aquele disparo.

Bounce Rate

O Bounce Rate controla o número de e-mails que não chegaram ao usuário. Dessa forma, esse problema pode acontecer por inúmeros motivos, como caixa de entrada cheia, e-mail digitado errado e desativação da conta.

 List Growth Rate

List Growth Rate (taxa de crescimento da base) examina o crescimento da sua base, eliminando as pessoas que cancelaram a newsletter e os e-mails rejeitados.

Como fazer Email Marketing

Se chegou até aqui, é porque se interessou pelo serviço. Por isso, conheça, agora, como fazer e-mail marketing:

Escolha uma ferramenta de automação de email marketing

É essencial que você escolha ferramentas de automação para fazer e-mails e estratégias mais bem elaboradas, para ter como analisar todas elas. Desse modo, existem várias opções disponíveis atualmente, desde as mais simples (gratuitas) até as mais complexas (pagas). Veja alguns exemplos:

Mailchimp

O Mailchimp é uma plataforma  gratuita para iniciantes. Desse modo, você poderá aprender a desenvolver várias automações, templates de e-mail e, ainda,  ferramentas de análise.

Leadlovers

A leadlovers é uma ferramenta paga de automação de marketing. Assim, sua função principal é automação de e-mail para usuários que querem começar do zero e, também, obter sucesso.

E-goi

Assim como a ferramenta Mailchimp, o E-goi é uma opção para iniciantes. Além disso, ele é bem intuitivo e tem um custo-benefício bem favorável.

Capture os leads

Mais uma etapa importante para a segmentação é a captura de leads. Então, se você já tem uma estratégia de marketing, ela deverá ser alinhada aqui. Assim, poderá capturar leads nas redes sociais, através de um blog e campanhas de mídia.

Crie a campanha

Desenvolva listas segmentadas, escolha fluxos para estratégia de nutrição e crie seus e-mails. Veja a seguir algumas dicas para produzir:

  1. Use templates simples, mas que chamem a atenção;
  2. Desenvolva conteúdos chamativos;
  3. Escreva um material relevante e de valor para os leads;
  4. Utilize CTAs;
  5. Use uma linguagem informal e intimista.

Dispare e faça análise

O último passo a ser feito é analisar atenciosamente os e-mails antes de enviar, para conferir se não tem nenhum erro e, depois, dispare, ou se preferir, configure a automação para fazer o disparo de forma automática.

Gostou do conteúdo? Compartilhe.

Sair da versão mobile